CENTRO DE REFERÊNCIA DO PROFESSOR
Fortaleza-Ce

Patriciafcm@yahoo.com.br

ALGARISMOS ROMANOS

I - 1 / II - 2 / III - 3 / IV - 4 / V - 5 / VI - 6 / VII - 7 / VIII - 8 / IX - 9 / X - 10
XI - 11 / XII - 12 / XIII - 13 / XIV - 14 / XV - 15 / XVI - 16 / XVII - 17 / XVIII - 18 / XIX - 19 / XX - 20 / XXX - 30 / XL - 40 / L - 50 / LX - 60 / LXX - 70 / LXXX - 80 / XC - 90 /
C - 100 / CC - 200 / CCC - 300 / CD - 400 / D - 500 / DC - 600 / DCC - 700 / DCCC - 800 / CM - 900 / M - 1000 / MM - 2000 /

Identifique a numeração nas cruzadinhas e escreva por extenso a representação dos algarismos romanos.

SISTEMA DE NUMERAÇÃO ROMANO

Fonte de pesquisa:

www.mundovestibular.com.br/articles/515/1/ALGARISMOS-ROMANOS/Paacutegina1.html

Os romanos foram espertos. Eles não inventaram símbolos novos para representar os números; usaram as próprias letras do alfabeto.

I V X L C D M Como será que eles combinaram estes símbolos para formar o seu sistema de numeração? O sistema de numeração romano baseava-se em sete números-chave: I tinha o valor 1. V valia 5. X representava 10 unidades. L indicava 50 unidades. C valia 100. D valia 500. M valia 1.000.

Quando apareciam vários números iguais juntos, os romanos somavam os seus valores.

II = 1 + 1 = 2 XX = 10 + 10 = 20 XXX = 10 + 10 + 10 = 30

Quando dois números diferentes vinham juntos, e o menor vinha antes do maior, subtraíam os seus valores.

IV = 4 porque 5 - 1 = 4 IX = 9 porque 10 – 1 = 9 XC = 90 porque 100 – 10 = 90

Mas se o número maior vinha antes do menor, eles somavam os seus valores.

VI = 6 porque 5 + 1 = 6 XXV = 25 porque 20 + 5 = 25 XXXVI = 36 porque 30 + 5 + 1 = 36 LX = 60 porque 50 + 10 = 60

Ao lermos o cartaz, ficamos sabendo que o exercíto de Roma fez numa certa época MCDV prisioneiros de guerra. Para ler um número como MCDV, veja os cálculos que os romanos faziam:

Em primeiro lugar buscavam a letra de maior valor. M = 1.000

Como antes de M não tinha nenhuma letra, buscavam a segunda letra de maior valor.

D = 500

Depois tiravam de D o valor da letra que vem antes.

D – C = 500 – 100 = 400

Somavam 400 ao valor de M, porque CD está depois e M.

M + CD = 1.000 + 400 = 1.400

Sobrava apenas o V. Então:

MCDV = 1.400 + 5= 1.405

Os milhares Como você acabou de ver, o número 1.000 era representado pela letra M. Assim, MM correspondiam a 2.000 e MMM a 3.000. E os números maiores que 3.000? Para escrever 4.000 ou números maiores que ele, os romanos usavam um traço horizontal sobre as letras que representavam esses números. Um traço multiplicava o número representado abaixo dele por 1.000.

Dois traços sobre o M davam-lhe o valor de 1 milhão. O sistema de numeração romano foi adotado por muitos povos. Mas ainda era difícil efetuar cálculos com este sistema. Por isso, matemáticos de todo o mundo continuaram a procurar intensamente símbolos mais simples e mais apropriados para representar os números.

E como resultado dessas pesquisas, aconteceu na Índia uma das mais notáveis invenções de toda a história da Matemática: O sistema de numeração decimal.
   1     2     3        
4                 
           5      
6     7       8         
               
  9     10            
               
    11             

Horizontal

1. L
5. II
6. III
8. VII
9. V
11. I

Vertical

2. IV
3. IX
4. VIII
5. X
7. VI
10. C